O alto valor do trabalho em equipe na educação

Tempo de leitura: 1 minuto

Objetivo

Despertar, nos participantes, o reconhecimento dos benefícios do trabalho em uma equipe engajada na obtenção de excelência, demonstrando que as escolhas que beneficiam a equipe trazem, consequentemente, melhores resultados individuais.

Reflexão

“O talento vence jogos, mas só o trabalho em equipe ganha campeonatos” (Michael Jordan).

Introdução

O professor é um profissional que tem autonomia em sala de aula, e isto pode levar ao equívoco de que trabalha sozinho. Na verdade, a educação envolve diversas etapas, que precisam ser realizadas com autonomia, mas com habilidade para garantir o funcionamento ideal da própria escola. O professor realiza diversas atividades, assim como os outros membros das equipes que compõem a direção, secretaria, assistência pedagógica, e assim por diante.

Quando a equipe não é coesa, resulta em uma série de atrasos que prejudicam não apenas as equipes,  mas os alunos.

Diferentes disciplinas podem se beneficiar ao trabalhar conteúdos paralelos, principalmente ao mostrar aos alunos a aplicabilidade prática destes conteúdos na vida diária, não apenas profissionalmente, mas no cotidiano de cada um. O trabalho em equipe auxilia no fluxo de atividades, facilitando a tarefa de ensinar e no cumprimento de funções diversas.

Conteúdo programático

  1. Trabalho em equipe ou trabalho individual, o que rende mais?
  2. Teoria de Adam Smith
  3. Teoria de John Nash
  4. O caminho mais curto é o melhor?
  5. Interdisciplinaridade: o uso de conteúdos paralelos na prática diária
  6. Alcançando objetivos coletivos
  7. Casos de sucesso no trabalho em equipe

Recursos necessários

  • Quadro branco
  • Computadores
  • Internet
  • Projetor

Duração: 2 horas

Tempo de leitura: menos de 1 minuto


Quer saber mais sobre este serviço?

Insira o seu nome e e-mail abaixo para receber um contato do nosso departamento comercial.


Catálogo completo de palestras

Neuroeducação e o impacto das emoções na aprendizagem

Provinha Brasil: conciliar necessidades e realidade para alcançar o melhor desempenho possível

Retenção dos alunos nos anos iniciais: confrontando legislação e realidade

Gamificação para diagnosticar, avaliar o que o aluno aprendeu

Proposta Curricular do Estado de Santa Catarina e a legislação em vigor: construção de documentos nas escolas