Ferramentas digitais para simplificar o trabalho do professor

Tempo de leitura: 3 minutos

Objetivo

Apresentar um leque de tecnologias digitais que podem otimizar o dia a dia dos professores e estimular o uso desses recursos em sala de aula e na vida profissional do docente. Mostrar que existe a necessidade de adaptação constante para acompanhar as evoluções e aplicá-las no cotidiano, principalmente porque a utilização adequada da tecnologia facilita muito o trabalho do professor e desperta o interesse dos alunos.

Reflexão

“Produtividade nunca é um acidente. É sempre o resultado de um comprometimento com a excelência, inteligência, planejamento e esforço focado” (Paulo J. Meyer).

Introdução

Nos dias de hoje, nos deparamos com um leque enorme de recursos tecnológicos e eles se estão presentes em quase tudo que fazemos. Por isso, é muito difícil que alguém nunca tenha utilizado ou, pelo menos, ouvido falar em tecnologia, principalmente, pessoas ligadas à educação.

Dependendo da localidade ou da instituição que o professor pertença, existe certo grau de dificuldade em acompanhar a velocidade com que as novidades aparecem no mercado e nas suas vidas. Por outro lado, os alunos já têm contato com tecnologia desde muito cedo, e isso dificulta o trabalho do o professor, que precisa estar antenado nessas novidades do mundo digital. Existe uma necessidade de adaptação constante para que seja possível acompanhar as evoluções, aproveitando e assimilando a parte boa deste crescimento e replicando para nossos alunos, principalmente porque a tecnologia pode facilitar o trabalho do professor e despertar o interesse dos alunos, o que é um grande desafio.

Neste contexto, é fundamental que tenhamos claro o papel do Educador e da Tecnologia em sala de aula, com o objetivo de agregar valor no processo de ensino e facilitar a relação entre professores e alunos, uma vez que é quase impossível ignorar esta nova era na educação.

A busca constante por recursos tecnológicos que tornem as aulas interativas e dinâmicas pode ser uma faca de dois gumes para os professores. Conforme comentado, o lançamento de novas tecnologias é tão rápido que há a necessidade de “parar” e avaliar até que ponto esta busca é realmente produtiva e gera resultados positivos para os envolvidos no processo.

Outro ponto a se destacar é o fato de que nossa obrigação, como educadores, é instruir os alunos a usar a internet, ou qualquer outro recurso tecnológico de forma inteligente, e não somente para entretenimento. Devemos ajudá-los a aproveitar todo o potencial que as ferramentas tecnológicas podem oferecer, sem comprometer o aprendizado. Por isso a importância de estarmos sempre preparados.

Além da importância que a tecnologia tem na interação entre aluno e professor, também se faz necessário o uso inteligente dos recursos computacionais para que você, professor, otimize o seu trabalho e empreenda sua carreira de maneira mais eficaz.

Conteúdo programático

  1. Conceito de produtividade
  2. Introdução a tecnologias digitais
  3. Tecnologia na gestão escolar e a utilização dos recursos educacionais disponíveis
  4. Abordagem orientada para o ensino com tecnologia
  5. Familiarizando-se com uso de ferramentas digitais
  6. Criando com o auxílio da tecnologia
  7. Aplicando a teoria na prática
  8. Pesquisa na internet, redes sociais e em outras mídias
  9. Segurança na internet e ciberbullying

Recursos necessários:

  • Quadro branco
  • Computadores
  • Internet
  • Projetor

Duração: 2 horas

Observação: Esta palestra tem a mesma base do conteúdo programático da palestra Uso de tecnologias no apoio à equipe de educação, porém o foco destes conteúdos é direcionado para ferramentas e aplicações práticas de públicos específicos. 

Tempo de leitura: menos de 1 minuto


Quer saber mais sobre este serviço?

Insira o seu nome e e-mail abaixo para receber um contato do nosso departamento comercial.


Catálogo completo de palestras

Neuroeducação e o impacto das emoções na aprendizagem

Provinha Brasil: conciliar necessidades e realidade para alcançar o melhor desempenho possível

Retenção dos alunos nos anos iniciais: confrontando legislação e realidade

Gamificação para diagnosticar, avaliar o que o aluno aprendeu

Proposta Curricular do Estado de Santa Catarina e a legislação em vigor: construção de documentos nas escolas